AVISO

A nova política de uso do Google me fodeu legal, agradeçam a ele quando virem o que aconteceu com os posts antigos.

O Gosto do Sangue (6.)


Nunca me esqueço daquele dia.
Um dia simples.
Um dia feliz.
Um dia comum.
Minha mão fazia tudo aquilo sozinha.
Eu não tinha ideia do fazer.
Aconteceu.
Sempre sonhei em te encontrar.
Andava sozinho pelas ruas.
Pensando.
Desejando.
Chorando.
Eu me decidi.
Quero estar ao seu lado.
Poder ver o sol nascer e se pôr ao seu lado.
Poder sentir a brisa refrescante do vento ao seu lado.
Poder combinar os nomes de nossos filhos.
Esse mundo deseja algo.
Você sempre me disse o que.
Esforço.
Suor.
Sangue.
Eu queria estar ao seu lado.
Me esforcei ao máximo.
Suei mais do que pude.
Meu sangue está em tudo que fiz.
E tudo para te alcançar.
Aconteceu.
Esses movimentos são puros.
Esses movimentos são ideais.
Esses movimentos são nossos.
Desejar não é errado.
Por você, nada é errado.
Minha mão se moveu sozinha.
Agora estaremos juntos.
Para sempre.



2 comentários:

Post urls = spam.