AVISO

A nova política de uso do Google me fodeu legal, agradeçam a ele quando virem o que aconteceu com os posts antigos.

Por que Fate é mais popular que Risus


Com explicações usando lolis e caudas fofas!
Risus é mais comédia a base de cerveja: se tu fizer uma loli vai ser só pelas risadas e insanidade que o próprio jogo exige.

Fate é um pouco mais sério, mesmo com cerveja: se tu fizer uma loli então ela pode ser ou uma jovem indefesa que passa por um drama clichético qualquer a uma semi-mary sue com SÓPAR PAUÉRS que faz o que bem entende mas ainda precisa seguir as normas da sociedade.

Vamos comparar em matéria de fichas com... uma pirralha kitsune.


Risus
Cliches: Kitsune Maid (4), Especialista em Delícias Orientais (3), Arremessadora de Facas Inglesas (2), Conselheira Amorosa (1).
Ferramentas: Vassoura, uniforme de empregada, cozinha de ponta, facas inglesas de arremesso, cartinhas perfumadas.

Fate (FAE por ser mais "simples")
High Concept: Sou uma Loli Kemono Maid!
Trouble: Meu Mestre é um Baka!
Aspects: Esta Vassoura é minha Arma, Uma Cauda retém Pouca Magia, A Mansão do Mestre é Assustadora!
Approaches: Quick +3, Clever and Sneaky +2, Forceful and Careful +1, Flashy +0

Olhando assim, ambos parecem um pouco um com o outro no quesito de "facilidade" em criar o personagem do jeito que você quiser, mas o problema vem quando você vai checar a abordagem do sistema ao modo de jogar:
Risus (principalmente o Risus Companion, que é ÓTIMO) dá ao Mestre várias ferramentas para tornar o jogo mais interessante e veloz, mas ao mesmo tempo curto o bastante para seus amigos que nada sabem de RPG se divertirem por uma tarde (ou noite, regada a cerveja e batatinha frita). Dê uma passada no Risusiverse para checar mais tralhas interessantes!
Fate é uma experiência de narrativa compartilhada (imagine um narrador bem sério falando isso), onde seus personagens passarão por aventuras incríveis e onde os jogadores irão demandar que o destino lhes estapeie com força e gosto! Se quiser conhecer essa Nona Maravilha do Mundo, dê uma passada na SRD do Fate Core e Accelerated.

Brigas e ladainhas são sempre esperadas, mas o que se pode fazer quando temos tantos egos de diferentes tamanhos e "importância" reunidos numa mesa para jogar e se divertir OU viver na pele de seus personagens ultra especiais?


Um comentário:

  1. Eu só acho que tem algumas coisas fora do prumo...
    Mas gostei de como é escrito, porém, Fae/Fate não é narrativa compartilhada, os jogadores tem uma certa influência na história, mas há separadamente o papel do narrador, nas NC todos narram coletivamente, Risus e Fate nem deveriam ser comparados porque são dois jogos com propostas diferentes, Fae nem mesmo tem um intuito de ser como Risus, não disputam o mesmo publico inclusive...

    Ambos os jogos são otimos, mas para vibes diferentes...

    Fae é para quem quer jogar fate em uma história de 1, 2 ou 3 sessões, mas ele tem capacidade pra ser usado em campanha claro.

    Ambos são ótimos em todo caso!

    Mas adorei o Blog e mesmo não concordando com alguns elementos, só de ver postagem sobre risus e fae já valeu a pena...
    Gostei do jeito divertido do post também...

    Alias falar desses jogos que quase ninguem fala seria ótimo...
    Quando for o caso pode contar comigo como leitor...

    ResponderExcluir

Post urls = spam.